fbpx

Gestão de comunicação: Em tempos de pandemia a sua maior arma é a comunicação!

Gestão de comunicação: Em tempos de pandemia a sua maior arma é a comunicação!

Gestão de comunicação: Em tempos de pandemia a sua maior arma é a comunicação!

A gestão de comunicação sempre foi um dos fatores primordiais no desenvolvimento de quaisquer atividades dentro de uma corporação. Isso porque, nada é feito de forma individual, tudo requer comprometimento de outras pessoas.

Nesse sentido, ter uma equipe unida e bem informada é um fator chave para o sucesso.

Entrando no contexto atual, em que a pandemia girou o mundo de ponta cabeça e tem desencadeado mudanças impactantes e irreversíveis, a boa comunicação ganha um papel ainda mais importante.

A gestão de crises depende de uma boa gestão de comunicação.

Porque é tão importante se comunicar?

Você já se viu andando no escuro, sem enxergar absolutamente nada a sua frente? Bom, superar os desafios atuais, sem ter uma boa comunicação como aliada, é como andar no escuro. É impossível saber o que vem pela frente e, portanto, impossível saber qual postura adotar, como agir e o que fazer.

Imagine a sua equipe andando no escuro em um momento em que muitas empresas estão fechando as portas, por não conseguir adaptar o seu negócio ao cenário atual?

Definitivamente, este não é um bom momento para arriscar. Portanto, se você pode adotar uma estratégia para levar o time adiante e ultrapassar todas as barreiras deste momento de crise, adote a comunicação.

Como ter uma gestão de comunicação eficaz?

Pois bem, vale enfatizar que se comunicar não se trata de simplesmente jogar as informações e esperar que alguém faça algo com ela. Uma boa comunicação depende de alguns fatores essenciais, tais como:

  • Planejamento

Como tudo dentro de uma organização, a gestão de comunicação requer um planejamento estratégico.

Comece se perguntando: O que eu preciso comunicar? Porque? Para quem? Quando?

Essas são algumas das respostas que você deve ter em seu planejamento. Comunicar de forma eficiente é a levar as informações corretas, de maneira clara e assertivas às partes interessadas. Além disso, acompanhe os resultados obtidos e procure soluções para àqueles objetivos/metas que não estejam sendo alcançados.

  • Transparência

Tanto o seu público interno, como também o seu público externo necessita de informações reais. Não adianta querer passar a imagem de que está tudo bem, se a realidade é outra. Para manter as partes interessadas ao seu lado, é preciso ter total transparência.

Os colaboradores são os primeiros que devem vestir a camisa e se sentir envolvidos em superar os momentos de crise. Afinal, quando as pessoas sabem pelo quê estão lutando, sentem-se mais motivadas.

Além disso, quando bem informados, todos podem colaborar no desenvolvimento de estratégias que ajudam a organização a lidar com a crise e potencializar seus resultados. Por outro lado, quando as informações são ocultadas, os colaboradores tendem a se sentir desvalorizados e desmortivados.

  • Empatia e proximidade – saiba com quem você está se comunicando e como se comunicar!

O ideal é procurar não ser tão formal e não burocratizar a comunicação. Um bom líder anda ao lado de seus liderados, e não a frente, lembre-se disso.

Entender que cada ser humano possui suas particularidades é um ponto chave para entender qual é a melhor maneira de se comunicar com cada um. Além disso, saber com quem você está se comunicando, auxilia a elaboração de estratégias assertivas de comunicação.

Estar próximo de todas as partes interessadas é um ponto crucial no enfrentamento de crises.

  • Utilize ferramentas que podem te ajudar

Utilizar ferramentas estratégicas que facilitem a comunicação faz toda a diferença. Em especial neste momento, em que se comunicar de forma ágil e assertiva é crucial. Perder tempo é, mais do que nunca, perder mercado.

Utilize canais adequados de comunicação para que as informações necessárias cheguem às partes interessadas de forma rápida e clara.

Para a comunicação interna, ao invés de ter mil canais de comunicação, o ideal é investir em um software de comunicação como o Slack ou o Zoom, por exemplo. Dessa forma, as trocas de mensagens são centralizadas, otimizando a produtividade e mantendo todos conectados o tempo todo.

Quando o assunto for mais complexo, pode ser mais interessante utilizar o e-mail. Ou ainda, quando se tratar de fluxos, processos e procedimentos, o ideal é a utilização de um software de gestão de documentos.

Uma boa gestão de comunicação eleva a organização e oferece diversos benefícios, tais com:

  • Agilidade e assertividade em se comunicar com as partes interessadas
  • Aumento de produtividade
  • Engajamento da equipe
  • Motivação dos colaboradores em desenvolver suas funções, e até mesmo, desenvolver estratégias que colaboram com a gestão de crise
  • Melhora o posicionamento da empresa diante dos consumidores e públicos de interesse

A arma do século é a COMUNICAÇÃO, e ultrapassar este momento de crise totalmente instável que estamos vivendo é impossível se não houver uma troca clara e transparente entre a equipe, fornecedores, público-alvo, etc.

Como é a comunicação onde você trabalha? Existe uma gestão de comunicação eficaz e uma equipe colaborativa que troca informações sempre que necessário? Deixa aqui nos comentários!

Espero que tenha gostado desse artigo, e se quiser acompanhar o Blog e ficar sabendo em primeira mão sem que tiver conteúdo novo, assine a nossa Newsletter clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *